Banner Artigo

Mau ou mal: dica básica de quando usar os dois termos

Data 10/02/2020

Postado por Fernando Brito

Quem nunca teve dúvidas sobre o uso do mau ou mal que atire a primeira pedra. É muito comum se deparar com as pessoas trocando o mau com u com o mal com l. Por isso, criamos este artigo com as regras básicas para você nunca mais errar o emprego dos dois termos.

A confusão entre as palavras mau e mal se dá porque pela mesma regra de conserto e concerto. Elas possuem a mesma pronúncia, mas sua grafia e significados são diferentes. Palavras com esse perfil são classificadas de palavras homófonas.

Mau ou mal: dica básica

A dica mais simples para saber se você está utilizando a palavra mau ou mal da forma correta é trocar o termo pelo seu antônimo. Grave bem:

  • mau – o contrário de bom
  • mal – o contrário de bem

Assim,

  • Ele é um mau menino. (Ele é um bom menino)
  • Ele está mal. (Ele não está se sentindo bem)

Quando usar mal?

O termo mal (escrito com “l”) pode ser considerado o termo mais falado entre os interlocutores. Ele pode vir empregado na fala como substantivo, conjunção ou mesmo advérbio. Veja alguns exemplos com o uso do mal.

Exemplos:

  • Mal sabe ele que isso não é certo.
  • Você entendeu tudo mal. Por isso errou todas as questões.
  • Ela não imagina o mal que isso me faz.

Quando usar mau?

Pense que mau é um adjetivo e está sempre associado a um substantivo transmitindo-o uma “qualidade”, neste caso uma má qualidade.

Portanto, mau é uma característica de alguém que faz maldades, travessuras, que é grosseiro, inconveniente, travesso, desobediente, que não tem bons costumes…

Você pode pensar também em alguns sinônimos para a palavra mau. Se mau é a “qualidade” de quem não é bom, então o sinônimo de mau é: malvado, cruel, desumano, desagradável, indisciplinado, imoral, indecente…

Veja alguns exemplos com a palavra mau:

  • O professor me chamou o mau aluno.
  • Ele não é uma boa companhia. Vai te levar a maus caminhos.
  • Você é um menino muito mau.

CURSOS PARA VESTIBULAR

Leia mais…

Fernando Brito

Fernando Brito

Jornalista com experiência em web, TV, impresso, assessoria de comunicação, mídias sociais, cerimonial e media training. Atualmente é responsável pelo jornalismo do Estratégia Vestibulares, atuando como coordenador de conteúdo.

Deixe seu comentário!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar:
Mim ou me? Você provavelmente já teve dificuldades em saber quais desses dois termos utilizar
Mais ou mas... As duas palavras existem na língua portuguesa, mas elas têm funções bastante
Entre as classes de palavras temos o adjetivo. Adjetivo é toda e qualquer palavra que
As palavras da língua portuguesa são divididas em dez classes, entre elas está o substantivo,
Por que, por quê, porque, porquê? E agora... Qual usar? Quem nunca se deparou com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *