Enem 2020: Guia Completo sobre a prova mais concorrida do país

Data 11/11/2019

Postado por Fernando Brito

Mais de 6 milhões de estudantes participam anualmente do Exame Nacional do Ensino Médio, o Enem. Democrática, a prova do Enem se tornou a principal porta de entrada para acesso às instituições de Ensino Superior público e privado de todo o país.

A próxima edição acontece em 2020. E se você é um dos milhões de candidatos que desejam enfrentar os dois dias de prova, nós criamos este guia para você. Com esta página, você vai saber tudo sobre o Exame Nacional do Ensino Médio que em 2020 chega à sua 23ª edição.

O que é o Enem?

O Enem, ou Exame Nacional do Ensino Médio, foi criado em 1998 e seu principal objetivo era avaliar, anualmente, a qualidade e o nível de aprendizado dos alunos no Ensino Médio e implementar políticas públicas de melhoria do ensino brasileiro. É interessante ressaltar que o Enem foi o primeiro dispositivo de avaliação do ensino no país.

Modelos de prova do Enem

O primeiro modelo da prova do Exame Nacional do Ensino Médio continha 63 questões, além da prova de redação. Esse modelo de prova foi aplicado durante 10 anos, entre 1998 e 2008. O segundo modelo de prova surgiu em 2009, quando passou a conter 180 questões objetivas, uma redação e ser aplicado em dois dias consecutivos: um sábado e um domingo.

Esse modelo de prova foi alterado na edição do Enem de 2018, quando o Governo Federal tirou a aprova dos sábados e passou a aplicá-la em dois domingos consecutivos. O modelo da prova com relação ao quantitativo de questões continuou o mesmo.

Em 2018, o Ministério da Educação já adiantou mudanças que devem valer a partir de 2021. Segundo a pasta, o Exame Nacional do Ensino Médio deverá conter um dia de prova de conhecimentos gerais e outra para avaliar conhecimentos específicos, que vai variar de acordo com opção feita pelo aluno.

O SiSU

O SiSU, Sistema de Seleção Unificada, é o sistema informatizado do MEC no qual instituições públicas de ensino superior públicas de todo o país selecionam os candidatos. Para ser selecionado através do SiSU, é preciso que o candidato tenha participado do Exame Nacional do Ensino Médio e obtido nota elegível para isso.

O candidato escolhe até duas opções de curso, é possível alterar suas opções durante as inscrições. Como política de ações afirmativas, algumas instituições oferecem vagas reservadas e outras adotam bônus na nota do candidato.

ProUni e FIES

Foi em 2004 que o Enem passou a servir como forma de ingresso em instituições de ensino superior privadas. Foi quando o Governo Federal implementou o o Programa Universidade para Todos (ProUni). O programa social veio para distribuir bolsas integrais ou parciais em universidades particulares.

Além disso, os participantes também passaram a contar com o financiamento através do Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior (Fies). Mas foi a partir do ano de 2009 que o Exame Nacional do Ensino Médio passou a ser substituído ou fazer parte dos vestibulares de universidades federais, estaduais e institutos federais em todo o país.

Quem aplica a prova do Enem?

O Enem é uma prova realizada e aplicada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). O Inep é uma autarquia vinculada ao Ministério da Educação.

O Enem é de graça?

Para quem deseja participar do Enem e concorrer às vagas precisa fazer inscrição dentro do período e pagar uma taxa no valor de R$ 85,00. Os interessados em solicitar isenção de taxa podem fazer o pedido através do sistema do Inep. Mas, cuidado que há regras para o benefício.

Se você é contemplado com a isenção da taxa do Enem em uma edição, mas faltar aos dois dias de prova, é necessário justificar ausência caso deseje isenção na edição seguinte do Exame. É preciso apresentar documentação comprobatória justificando sua ausência. O Inep avalia os pedidos e os resultados são divulgados pela instituição.

Quem está isento da taxa de inscrição?

O benefício de isenção da taxa do Exame Nacional do Ensino Médio é concedido a alunos que:

  • estejam cursando a última série do Ensino Médio em escola da rede pública declarada ao Censo Escolar;
  • cursaram todo o ensino médio em escola da rede pública ou como bolsista integral na rede privada; além de ter renda, por pessoa, igual ou menor que um salário mínimo e meio;
  • estiverem em situação de vulnerabilidade socioeconômica por ser membro de família de baixa renda que possua Número de Identificação Social (NIS), único e válido; além de ter renda familiar, por pessoa, de até meio salário mínimo ou renda familiar mensal de até três salários mínimos.

Como é a prova do Enem?

A atual prova do Enem é aplicada em dois domingos consecutivos e contém 180 questões, 90 em cada dia de prova. Com duração de 5h30, os candiadtos respondem à prova do primeiro dia entre 13h30 às 19h00. Já no segundo domingo, a prova tem duração de 5 horas, podem ser respondida entre 13h30 e 18h30.

No primeiro dia é aplicada a prova de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias (aqui incluindo questões de Português, Inglês, Espanhol e Literatura); Redação; e Ciências Humanas e suas Tecnologias (aqui incluindo questões de História, Filosofia e Sociologia).

Já no segundo dia, a prova é composta de questões cobrando dos candidatos conhecimentos em Ciências da Natureza e suas Tecnologias (aqui incluindo questões de Biologia, Química e Física); e Matemática e suas Tecnologias.

Disciplinas do 1º Dia

  • Linguagens, Códigos e suas Tecnologias
  • Redação
  • Ciências Humanas e suas Tecnologias

Disciplinas do 2º Dia

  • Ciências da Natureza e suas Tecnologias
  • Matemática e suas Tecnologias

Inscritos no Enem

Gráfico indicando o histórico do número de inscritos no Exame Nacional do Ensino Médio
  • 2019 – 6,3 milhões
  • 2018 – 6,7 milhões
  • 2017 – 6,1 milhões
  • 2016 – 8,6 milhões
  • 2015 – 7,7 milhões
  • 2014 – 8,7 milhões
  • 2013 – 7,2 milhões
  • 2012 – 5,8 milhões
  • 2011 – 5,4 milhões
  • 2010 – 4,6 milhões
  • 2009 – 4,1 milhões
  • 2008 – 4,0 milhões
  • 2007 – 3,5 milhões
  • 2006 – 3,7 milhões
  • 2005 – 3,0 milhões
  • 2004 – 1,5 milhões
  • 2003 – 1,8 milhões
  • 2002 – 1,8 milhões
  • 2001 – 1,6 milhões
  • 2000 – 390 mil
  • 1999 – 346 mil
  • 1998 – 157 mil

Como é a redação do Enem?

A prova de redação do Enem vai exigir de você a produção de um texto em prosa, do tipo dissertativo-argumentativo. Historicamente, o tema da prova sempre girou em torno de um tema de ordem social, científica, cultural ou política. A dica para não ser pego de surpresa no dia da prova é: manter-se sempre atualizado e bem informado.

Como é corrigida a Redação?

Chegamos num ponto muito importante: as competências. A sua redação será avaliada por, pelo menos, dois professores, de forma independente, sem que um conheça a nota atribuída pelo outro. Os dois professores avaliarão seu desempenho de acordo com os seguintes critérios.

Os aspectos avaliados por quem vai corrigir a sua redação relacionam-se às competências descritas no edital. Nessa redação, você deverá defender uma tese – uma opinião a respeito do tema proposto –, apoiada em argumentos consistentes, estruturados com coerência e coesão, formando uma unidade textual.

Seu texto deverá ser redigido de acordo com a modalidade escrita formal da língua portuguesa. Você deverá, também, elaborar uma proposta de intervenção social para o problema apresentado no desenvolvimento do texto que respeite os direitos humanos.

Competência 1

Demonstrar domínio da norma padrão da língua escrita.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários à construção da argumentação.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Temas de redação

  • Redação Enem 2019Democratização do acesso ao cinema no Brasil
  • Redação Enem 2018Manipulação do comportamento do usuário pelo controle de dados na internet
  • Redação Enem 2017Desafios para formação educacional de surdos no Brasil
  • Redação Enem 2016Caminhos para combater a intolerância religiosa no Brasil
  • Redação Enem 2015A Persistência da Violência contra a Mulher na Sociedade Brasileira
  • Redação Enem 2014Publicidade infantil em questão no Brasil
  • Redação Enem 2013Os efeitos da implantação da Lei Seca no Brasil
  • Redação Enem 2012O movimento imigratório para o Brasil no século XXI
  • Redação Enem 2011Viver em rede no século XXI: os limites entre o público e o privado
  • Redação Enem 2010O trabalho na construção da dignidade humana
  • Redação Enem 2009O indivíduo frente à ética nacional
  • Redação Enem 2008Como preservar a floresta Amazônica: suspender imediatamente o desmatamento; dar incentivos financeiros a proprietários que deixarem de desmatar ou aumentar a fiscalização e aplicar multas a quem desmatar?
  • Redação Enem 2007O desafio de se conviver com a diferença
  • Redação Enem 2006O poder de transformação da leitura
  • Redação Enem 2005O trabalho infantil na realidade brasileira
  • Redação Enem 2004Como garantir a liberdade de informação e evitar abusos nos meios de comunicação?
  • Redação Enem 2003A violência na sociedade brasileira: como mudar as regras desses jogo?
  • Redação Enem 2002O direito de votar: como fazer dessa conquista um meio para promover as transformações sociais de que o Brasil necessita?
  • Redação Enem 2001Desenvolvimento e preservação ambiental: como conciliar interesses em conflito?
  • Redação Enem 2000Direitos da criança e do adolescente: como enfrentar esse desafio nacional?
  • Redação Enem 1999Cidadania e participação social
  • Redação Enem 1998Viver e Aprender

Redação Enem 2019

Na edição mais recente, o tema da redação do Enem 2019 foi “Democratização do acesso ao cinema no Brasil”. A temática surpreendeu os candidatos e professores que aguardavam outras discussões que estavam mais latentes na agenda pública. Entre os textos motivadores um infográfico indicava que crescia o número de brasileiros que passaram a frequentar mais o cinema.

Redação Enem 2018

O tema da redação do Enem 2018 foi “Manipulação do comportamento do usuário pelo controle de dados na internet”. Como textos motivadores, a prova trouxe três reportagens publicadas nos sites “El País”, “BBC” e “Outras Palavras”. Além disso, um gráfico produzido pelo IBGE indicava dados o perfil dos usuários de internet no Brasil em 2016.

Redação Enem 2017

O tema da redação do Enem 2017 foi “Desafios para formação educacional de surdos no Brasil”. Para inspirar os candidatos, o Enem disponibilizou quatro textos motivadores. Um deles ilustrava o número de alunos surdos na educação básica entre os anos de 2010 e 2016. Outro texto mostrou aos candidatos uma lei de 2002, que determinou que a Língua brasileira de sinais (Libras) se tornasse a segunda língua oficial do Brasil.

Redação Enem 2016

O tema da redação do Enem 2016 foi “Caminhos para combater a intolerância religiosa no Brasil”. Um dos textos motivadores dizia que “o direito de criticar dogmas e encaminhamentos é assegurado como liberdade de expressão, mas atitudes agressivas, ofensas e tratamento diferenciado a alguém em função de crença ou de não ter religião são crimes inafiançáveis e imprescritíveis”.

Redação Enem 2015

O tema da redação do Enem 2015 foi “A Persistência da Violência contra a Mulher na Sociedade Brasileira”. Dez candidatos tiraram nota mil nesta edição do Enem. Em comparação às edições anteriores, este é um tema que já apresenta um posicionamento na própria proposta: o contrário à violência.

Redação Enem 2014

O tema da redação do Enem 2014 foi “Publicidade infantil em questão no Brasil”. Considerado um tema amplo, envolvendo os limites da comunicação, a temática buscou envolver a discussão sobre liberdade de expressão, de um lado, e proteção às crianças, de outro. Entre os textos motivadores estava o mapa a seguir.

redação enem 2014

Redação Enem 2013

O tema da redação do Enem 2013 foi “Os efeitos da implantação da Lei Seca no Brasil”. A prova trouxe quatro informações para servir como base para a redação, duas imagens e dois textos. Uma das imagens ilustrava uma campanha do governo federal defendendo que as pessoas não dirijam após beber, e a outra trouxe um infográficos com dados de uma pesquisa sobre os efeitos da campanha na percepção da população.

Redação Enem 2012

O tema da redação do Enem 2012 foi “O movimento imigratório para o Brasil no século XXI”. A proposta trouxe a discussão sobre a imigração de haitianos para o Acre e sobre a influência dos imigrantes nos costumes nacionais. O tema foi muito discutido por candidatos. Muitos diziam que o tema foi difícil com a justificativa de que a imigração era um assunto muito recente e exigia conhecimento de atualidades.

Redação Enem 2011

O tema da redação do Enem 2011 foi “Viver em rede no século XXI: os limites entre o público e o privado”. A proposta instigava a discussão sobre redes sociais e a privacidade na rede. Entre os questionamentos levantados estava sobre o que deve ou não ser compartilhando e quais são os limites que os usuários devem ter na rede.

redação enem 2011

Redação Enem 2010

O tema da redação do Enem 2010 foi “O trabalho na construção da dignidade humana”. Entre textos de inspiração, a questão do trabalho escravo foi tratada com veemência, ressaltando que a realidade continua latente mesmo com a assinatura da Lei Áurea. Em conjunto, um dos textos apresentava uma previsão de como será o trabalho no futuro.

Redação Enem 2009

O tema da redação do Enem 2009 foi “O indivíduo frente à ética nacional”. A proposta instigava o candidato a discutir sobre a corrupção. Um dos textos motivadores tinha um título que fazia o seguinte questionamento: Qual é o efeito em nós do “eles são todos corruptos”?. Além dele e outros, uma charge dizia: “Só lidar com gente honesta. Meu Deus, que solidão!”.

redação enem 2009

Redação Enem 2008

O tema da redação do Exame Nacional do Ensino Médio 2008 foi “Como preservar a floresta Amazônica: suspender imediatamente o desmatamento; dar incentivos financeiros a proprietários que deixarem de desmatar ou aumentar a fiscalização e aplicar multas a quem desmatar?”. O candidato poderia escolher uma das três vertentes apresentadas na proposta.

Redação Enem 2007

O tema da redação do Enem 2007 foi “O desafio de se conviver com a diferença”. Ao candidato exigiu-se uma reflexão sobre o preconceito e a tolerância necessária para o convívio em comunidade. A proposta da redação disponibilizou uma música de duas bandas da música brasileira: Titãs e dos Engenheiros do Hawaii.

Redação Enem 2006

O tema da redação do Enem 2006 foi “O poder de transformação da leitura”. A temática proposta instigava o candidato a refletir sobre a importância da leitura. Um dos textos motivadores era o de Moacyr Scliar, que explicava que o escritor é sempre um leitor. Outro tratava sobre o ato da leitura e um terceiro retratava o poder dos livros no imaginário de quem lê.

Redação Enem 2005

O tema da redação do Enem 2005 foi “O trabalho infantil na realidade brasileira”. Para contextualizar o tema, o Inep ilustrou o número de crianças trabalhando nas regiões do Brasil. Um trechoEC do Estatuto da Criança e do Adolescente foi disponibilizado de forma que o candidato precisaria discutir o tema proposto.

Redação Enem 2004

O tema da redação do Enem 2004 foi “Como garantir a liberdade de informação e evitar abusos nos meios de comunicação?”. A proposta continha, claramente, uma crítica e, ao candidato, cabia pensar em soluções e refletir sobre a invasão da imprensa e a fiscalização dos meios de comunicação.

redação enem 2004

Redação Enem 2003

O tema da redação do Enem 2003 foi “A violência na sociedade brasileira: como mudar as regras desses jogo?”. Como de costume, o MEC trouxe mais uma vez a um viés social para ser discutido. Os textos de apoio trabalhavam a desigualdade e o ciclo de violência. Para mandar bem na prova, o candidato deveria propor algum tipo de solução para o problema.

Redação Enem 2002

O tema da redação do Enem 2002 foi “O direito de votar: como fazer dessa conquista um meio para promover as transformações sociais de que o Brasil necessita?”. A prova veio com uma imagem do comício Diretas Já, que pedia eleições diretas para presidente. Os textos falavam sobre democracia, luta social pelo direito ao voto e a importância de escolher bem os representantes políticos.

Redação Enem 2001

O tema da redação do Enem 2001 foi “Desenvolvimento e preservação ambiental: como conciliar interesses em conflito?”. Entre os textos apresentados na proposta de redação do Enem 2001 estava uma tirinha de Coulos, do Jornal do Brasil, Rio de Janeiro. O candidato precisaria entender a relação entre desenvolvimento econômico e criar propostas para preservação do meio ambiente.

redação enem 2001

Redação Enem 2000

O tema da redação do Enem 2000 foi “Direitos da criança e do adolescente: como enfrentar esse desafio nacional?”. Entre os textos de apoio para a produção do texto, a prova colocou uma charge de Argeli, Folha de São Paulo. Além disso, havia um trecho da Constituição Federal de 1988 e outros dois textos.

Redação Enem 1999

O tema da redação do Enem 1999 foi “Cidadania e participação social”. Entre os textos de apoio estava um quadrinho do cartunista Henfil e declarações sobre o tema cidadania, participação e comodismo. A ideia da proposta era perceber o potencial da juventude como agente transformador da sociedade e o papel do jovem na luta por direitos.

Redação Enem 1998

O tema da redação na edição de estreia do Exame Nacional do Ensino Médio 1998 foi “Viver e Aprender”. O texto motivador, assinado por Luiz Gonzaga Jr., trazia um trecho da música “O que é o que é“.

“Viver e não ter a vergonha de ser feliz
Cantar e cantar e cantar a beleza de ser um eterno aprendiz
Eu sei que a vida devia ser bem melhor e será
Mas isso não impede que eu repita
É bonita, é bonita e é bonita.”

Baixe as últimas provas

Disponibilizamos, a seguir, as provas da última edição do Exame Nacional do Ensino Médio, mas você pode baixar gratuitamente todas as provas no site do MEC, clicando aqui.

O que cai na prova do Exame?

De acordo com o Ministério da Educação, as provas do Exame Nacional do Ensino Médio são estruturadas a partir das Matrizes de Referência, disponíveis no portal do Inep. O exame é constituído de quatro provas objetivas, com 45 questões de múltipla escolha cada, e uma redação em língua portuguesa.

As provas objetivas e a redação avaliarão as seguintes áreas de conhecimento do ensino médio e os respectivos componentes curriculares:

  • Linguagens, códigos e suas tecnologias e redação: língua portuguesa, literatura, língua estrangeira (inglês ou espanhol), artes, educação física e tecnologias da informação e comunicação.
  • Ciências humanas e suas tecnologias: história, geografia, filosofia e sociologia.
  • Ciências da natureza e suas tecnologias: química, física e biologia.
  • Matemática e suas tecnologias: matemática.

Leia mais…

CURSOS ENEM

Fernando Brito

Fernando Brito

Jornalista com experiência em web, TV, impresso, assessoria de comunicação, mídias sociais, cerimonial e media training. Atualmente é responsável pelo jornalismo do Estratégia Vestibulares, atuando como coordenador de conteúdo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar:
Quer ter a sua redação corrigida? E o melhor: não pagar nada mais por isso?
O Estratégia Vestibulares realiza na noite desta segunda-feira, 11 de novembro, a correção da prova
O Estratégia Vestibulares realiza na manhã deste domingo, dia 10 de novembro, a correção em
[et_pb_section admin_label="section"] [et_pb_row admin_label="row"] [et_pb_column type="4_4"][et_pb_text admin_label="Text"] O Estratégia Vestibulares realiza na manhã deste domingo,
O Instituto Militar de Engenharia, IME, aplicou nesta semana as provas da 2ª Fase do

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *